EREM Aura Sampaio Muniz comemora aprovação de estudantes em 1º lugar no SSA/UPE

Escola é local de compartilhar saberes, colecionar memórias afetivas e desenvolver o processo de ensino-aprendizagem, mas além disso é também um lugar onde os sonhos podem se tornar reais. A Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) Aura Sampaio Parente Muniz, localizada em Salgueiro, no Sertão, comemora a aprovação em 1º lugar de três estudantes no Sistema Seriado de Avaliação (SSA) da Universidade de Pernambuco (UPE).
 

Alicia Muniz, de 17 anos, foi aprovada no curso de Administração, campus Recife, área pela qual é apaixonada desde quando era criança. Parte deste interesse ela herdou do pai, que é formado na área. Para alcançar a tão desejada aprovação no SSA, a jovem organizava o tempo entre as atividades escolares e a revisão dos assuntos para as provas. “Eu usava as aulas de estudo para estudar individualmente os assuntos que os professores davam ou para fazer as atividades que ele passava. Em casa eu assistia videoaulas, resolvia exercícios, lia a teoria e fazia resumos dos conteúdos passados ou até adiantava algum assunto. Mas, no último ano, a rotina mudou por conta da pandemia. Passei a assistir às aulas da escola de forma remota, assinei alguns cursinhos online para melhorar meus estudos e tirava as dúvidas com os professores nas aulas ou pelo WhatsApp”, detalhou Alicia. 

Carlos Eduardo Angelim também foi aprovado em 1º lugar para o curso de Administração, porém no campus Salgueiro. Diferente de Alicia, a rotina de preparação de Carlos para o vestibular era “leve”, de acordo com o estudante. “Eu destinava entre 2 a 3 horas por dia, além do período que eu destinava às aulas da escola. Pra mim foi importante balancear os estudos e o lazer, evitando assim o cansaço e propiciando o aprendizado. Além disso, antes da realização das provas evitei ao máximo qualquer atividade estressante. Assim, pude realizá-las estando focado e tranquilo, o que é quase tão importante quanto a jornada de estudos”, confessou o jovem.

Para Alicia, a boa relação mantida com os professores e gestão da escola influencia nos bons resultados obtidos pelos estudantes. “Uma coisa que eu sempre achei muito importante, e que é muito presente na escola, é a boa comunicação entre os alunos,a direção e os professores, porque isso possibilita a troca de sugestões sobre as aulas e sobre a forma com que os conteúdos eram dados, facilitando a resolução de possíveis conflitos e contribuindo muito para a nossa formação como estudante”, conta a estudante. Carlos completa: “Estudei todo o Ensino Médio na EREM Aura Sampaio. Foi uma experiência muito positiva, em que eu tive total apoio dos meus professores e da equipe gestora. Guardarei comigo os ensinamentos e as grandes pessoas que conheci lá”.

Todo o Ensino Médio de Júlio César Barros Santos, de 17 anos, também foi na Aura Sampaio. Ele também sentiu o acolhimento por parte da equipe gestora da escola. “A equipe de professores é excelente. O que eu posso dizer é que eu sou grato por ter recebido esse apoio de todos da equipe Aura e se eu pudesse escolher novamente uma escola para estudar, pode ter certeza que iria ser a Aura.”, pontuou Júlio César.

“Quando entrei na EREM eu ainda não tinha um objetivo muito claro em relação a área que  iria atuar no futuro, mas mesmo assim eu queria estudar e me preparar. Então, depois de analisar várias áreas eu me identifiquei com Licenciatura em Matemática e Engenharia Mecânica. Minha rotina de estudos era leve, eu estudava umas 1 ou 2 horas por dia e nos finais de semana eu pesquisava questões na internet. Meu estudo era baseado apenas na orientação dos professores, seguindo em paralelo com o calendário da escola”, explicou o recém aprovado em Licenciatura em Matemática.
 

Práticas pedagógicas – A EREM Aura Sampaio tem uma prática fundamentada na Educação Interdimensional, desenvolvendo uma educação centrada na qualidade do ensino e aprendizagem. “Buscamos desenvolver um trabalho eficiente com ética e respeito com a finalidade de formar jovens capazes de atuar num mundo globalizado. Procuramos despertar nesses estudantes a busca da excelência para que sejam construtores de sua própria história”, contou Ana Célia, gestora da EREM Aura Sampaio. 

“Em 2020, em plena pandemia, foi desenvolvido um trabalho tão eficiente que mesmo com todas as adversidades, os estudantes conseguiram ser aprovados com notas excelentes, mostrando serem bastante resilientes. Tudo isso centrado num trabalho em equipe buscando alcançar melhores resultados e construir uma educação pública de qualidade”, explicou a gestora da unidade de ensino. 

Bons índices e premiações – Mas não é só na sala de aula que a EREM Aura Sampaio acumula bons resultados. A escola recebeu destaque em premiações regionais, nacionais e internacionais, além de ter bons índices nas avaliações educacionais. 

Em 2018, o projeto “Avaliação do efeito larvicida do líquido da castanha de caju em mosquitos hematófagos”, realizado por estudantes do 3º ano, venceu na categoria nacional do Prêmio Respostas para o Amanhã, promovido pela Samsung. Em 2019, a escola teve o resultado de 5,8 no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), estando acima da média nacional marcada em 4,2. 

Ainda em 2019 ela recebeu destaque no estudo “Excelência com Equidade no Ensino Médio: a dificuldade das redes de ensino para dar um suporte efetivo às escolas”, desenvolvido pelo Interdisciplinaridade e Evidências no Debate Educacional (Iede); foi premiada no Desafio Criativos da Escola 2020, dentre outros destaques.

Outras postagens